Veja como o amor entre os pais afeta a vida dos filhos segundo a ciência

ANÚNCIO

O quanto você ama seu cônjuge também pode moldar a vida de seus filhos.

A relação entre pais e filhos pode ter um vínculo eterno? - Tv Mundo Maior
Foto: (reprodução/internet)

Um estudo da Universidade de Michigan e da Universidade McGill em Quebec, publicado na revista Demography, descobriu que os pais com um relacionamento conjugal afetuoso afetam o comportamento de longo prazo de seus filhos, especialmente o casamento e o nível de escolaridade.

ANÚNCIO

Como a pesquisa foi conduzida

Os resultados foram baseados no Chitwan Valley Family Study no Nepal. Iniciado em 1991, o estudo foi baseado no vale de Chitwan Ocidental. A equipe incluiu 151 famílias.

Os cônjuges foram entrevistados separadamente, mas simultaneamente. Eles foram questionados sobre o nível de afeto um pelo outro e solicitados a classificá-lo como ‘muito, pouco ou nada’.

Leia mais sobre comportament familiar: Seu parceiro tem ciúme do seu bebê? Entenda como isso acontece

A equipe então documentou o comportamento educacional e conjugal dos filhos desses casais durante os 12 anos seguintes.

ANÚNCIO

Quanto aos resultados do estudo

Eles descobriram que os filhos cujos pais relataram que amavam o cônjuge ‘muito’ ou ‘um pouco’ tinham maior probabilidade de se casar tarde e ir para um nível mais alto de educação quando comparados aos filhos cujos pais relataram um nível inferior de afeto mútuo.

Os pesquisadores concluíram que esses padrões podem ser devidos ao fato de pais afetuosos serem mais propensos a investir no futuro de seus filhos e criar um ambiente familiar feliz.

Eles também criam um modelo positivo para seus filhos. Como consequência, os filhos vão para o ensino superior, têm menos tendência para sair de casa e demoram-se para encontrar um parceiro adequado.

Traduzido e adaptado por Agora Sabe

Fonte: Organic Facts

ANÚNCIO