Seu parceiro tem ciúme do seu bebê? Entenda como isso acontece

ANÚNCIO

Receber uma criança em seu mundo pode ser uma etapa feliz, mas esmagadora para um casal. Mas pode alimentar o ciúme? Um estudo publicado no Journal of Social and Personal Relationships descobriu que pode.

Seu marido tem ciúmes de você com o bebê? | CLAUDIA
Foto: (reprodução/internet)

De acordo com um novo relato, o cônjuge pode acabar vendo o bebê como um competidor, ficando com ciúmes do próprio filho e da atenção que ele recebe do cônjuge. Isso é especialmente possível se alguém tiver ansiedade de apego.

ANÚNCIO

Aumento do estresse e declínio da satisfação do casal

De acordo com este artigo, se um cônjuge se sentia ansioso com seu relacionamento antes do nascimento de um filho, as chances desse cônjuge ter ciúme desse bebê após o nascimento eram maiores.

Esses resultados foram anotados três meses após a chegada do bebê. Os pesquisadores destacam que o ciúme de qualquer um dos parceiros contra o bebê aumenta o estresse em um relacionamento durante um período que é especialmente sensível e importante para o casal.

O estudo também observou que esses casais experimentaram um declínio na satisfação com o relacionamento. Outra observação surpreendente, mas consistente, proveniente do estudo, foi que tal ciúme não era experimentado pelo cônjuge apenas com ansiedade de apego.

ANÚNCIO

Até mesmo seus parceiros relataram ciúme intensificado após a chegada do bebê, possivelmente devido à atenção do parceiro ansioso sendo dividida entre eles e o bebê.

Mas quem poderia ter ciúme de um bebê?

“Você pode pensar, quem poderia ter ciúme de um bebê? Mas se você já tem medo da rejeição, pode ser assustador ver quanta atenção seu parceiro dá ao seu novo filho”, disse Anna Olsavsky, autora principal do estudo e estudante de doutorado em ciências humanas na The Ohio State University.

O estudo foi realizado com dados do Projeto Novos Pais. A pesquisa de longo prazo envolveu 182 casais com dupla renda, a maioria dos quais casados, e estudou como eles se ajustam para se tornarem pais pela primeira vez.

Durante o terceiro trimestre, eles foram examinados por meio de questionários sobre vários parâmetros, incluindo ansiedade de apego.

O estilo de apego dos pais deve ser examinado

Ansiedade de apego é quando uma pessoa experimenta ansiedade por seus parentes próximos e medo de ser abandonada por essas pessoas, e anseia estar mais perto de seus parceiros.

Os autores levantaram a hipótese de que os pais com ansiedade de apego podem ser mais propensos ao ciúme do que as mães. No entanto, o estudo provou que pais e mães são igualmente propensos a exibir esse tipo de comportamento.

Eles sugerem que os casais devem examinar aspectos de seu relacionamento, especialmente seus estilos de apego, antes de acrescentarem um bebê à equação.

Traduzido e adaptado por Agora Sabe

Fonte: Organic Facts

ANÚNCIO