6 coisas bizarras que o homem já enviou ao espaço

ANÚNCIO

Pois é, acredite: artefatos, brinquedos e até mesmo os mortos deram uma voltinha no espaço. Abordamos alguns 6 coisas estranhas que fizeram uma viagem ao cosmos.

1. RESTOS MORTAIS

Conheça a empresa pioneira em lançar cinzas humanas ao espaço - Revista Galileu | Revista
Foto: (reprodução/internet)

Graças à Celestis, uma empresa especializada em reservar “voos espaciais memoriais”, e a um acordo com a empresa privada de foguetes SpaceX, os restos mortais de várias pessoas que morreram foram lançados para o além (por algumas horas, pelo menos).

ANÚNCIO

Os restos mortais do criador de Star Trek, Gene Roddenberry, estavam no voo inaugural do Celestis em 1997; seus restos mortais levantaram vôo novamente em 2012 com os restos mortais do ator James Doohan, que interpretou Scotty. As cinzas do astronauta Gordon Cooper também estavam naquele vôo.

2. UM DINOSSAURO DE BRINQUEDO

Em 2020, os astronautas a bordo das primeiras missões tripuladas da SpaceX trouxeram um companheiro de viagem incomum: um dinossauro de pelúcia.

Durante o voo histórico, Bob Behnken e Doug Hurley foram acompanhados por “Tremor”, um apatossauro brilhante. Os filhos dos tripulantes escolheram o brinquedo, que funcionou como um indicador de gravidade zero. Fofo, não é?

ANÚNCIO
SpaceX 'stowaway' revealed by crew as sons' dinosaur toy 'Tremor' | Space
Foto: (reprodução/internet)

3. DINOSSAUROS REAIS

Em 1985, o astronauta Loren Acton trouxe pequenos pedaços de osso e casca de ovo de dinossauro com bico de pato, Maiasaura peeblesorum, junto dele em uma missão no SpaceLab 2.

Treze anos mais tarde, o crânio de um carnívoro, Coelophysis, do Museu Carnegie de História Natural, foi passageiro em uma viagem à estação espacial Mir.

4. ESPERMA

Sem a gravidade, as amostras de esperma dos animais não funcionam como deveriam. Colocar espermatozóides de touro em órbita fez as células minúsculas se moverem mais rápido do que o normal.

Enquanto isso, no espermatozóide do ouriço-do-mar, que voou em missões da NASA, o processo de fosforilação foi interrompido quando a enzima conhecida como proteína fosfatase não fez seu trabalho.

Em 1979, duas ratas que foram para o espaço engravidaram, mas não carregaram os fetos até o fim, e os testículos dos machos encolheram junto com a contagem de espermatozoides. Felizmente (ou infelizmente), uma criatura conseguiu se reproduzir longe do nosso planeta: a barata.

5. BUZZ LIGHTYEAR

Boneco "Buzz Lightyear" do filme "Toy Story" doado à NASA, entre John Lasseter, da Pixar; a vice-diretora da Nasa, Lori Garver; e o diretor do Museu do Ar e do Espaço do Instituto Smithsonian, Jack Dailey
Foto: (reprodução/internet)

Um brinquedo Buzz Lightyear passou 467 dias no espaço, orbitando a Terra na ISS antes de ter um desfile no Magic Kingdom da Disney World, lançado em sua homenagem.

6. UMA EDIÇÃO DA PLAYBOY MAGAZINE

Alguns membros da tripulação reserva da Apollo 12 incluíram algumas edições da Playboy nas checklists da tripulação, que foram anexadas nos pulsos de Pete Conrad e Alan L. Bean enquanto exploravam a paisagem lunar.

O astronauta Richard Gordon, que ficou em órbita ao redor da Lua durante a missão, também encontrou um calendário de DeDe Lind fazendo topless escondido em um armário, que estava rotulado como “Mapa de um corpo celestial”.

Traduzido e adaptado por Agora Sabe

Fonte: Mental Floss, Acredite ou não

ANÚNCIO