Micromort: conheça o modelo matemático que calcula o risco de morte presente em cada atividade

ANÚNCIO
PLACA PERIGO RISCO DE MORTE | MadeiraMadeira
Foto: (reprodução/internet)

No meio do século XX, “avaliação de risco” tornou-se um campo de interesse para os estatísticos e atuários. A ideia era criar um modelo matemático para determinar exatamente o quão arriscada uma atividade pode ser – andar de motocicleta ou morar em uma casa com vazamento de gás radônio, por exemplo.

Mas é o seguinte – tudo traz consigo algum tipo de risco. Você pode morrer engasgando com uma banana ou de combustão espontânea. Ambos são possibilidades extremamente raras, mas ainda assim são possibilidades.

ANÚNCIO

Leia também: Todos dizem que é ilegal morrer nessa cidade da Noruega: mas isso é mesmo verdade?

Em 1970, aqueles que tinham que avaliar o risco para viver precisavam de um termo, e um número matemático, para medir essas chances muito, muito pequenas de morte. O professor da Universidade de Stanford, Ronald A. Howard, inventou o “micromort”.

A Conversation on Ethics with Stanford Professor Ronald A. Howard - SDG
Professor Ronald A. Howard. Foto: (reprodução/internet)

O que é um micromort?

Micro significa “pequeno” e mort vem da palavra latina para morte. Simplificando, um micromort é uma medida minúscula de mortalidade potencial – um micromort é igual a uma possibilidade de morte de um em um milhão.

“Um problema que enfrentamos continuamente ao descrever os riscos é como discutir pequenas probabilidades”, escreveu Howard em 1989.

ANÚNCIO

“Parece que muitas pessoas consideram as probabilidades menores que 1 em 100 como pequenas demais para se preocupar.” Basicamente, todas as atividades aumentam sua chance de morte por uma quantidade diferente de micromortalidades.

O que aumenta os riscos de micromort?

Dez motivos para você beber vinho · Revista ADEGA
Foto: (reprodução/internet)

Coisas que aumentarão sua chance de morte em 1 micromort incluem: beber três taças de vinho, passar uma hora em uma mina de carvão ou comer 100 bifes cozidos no carvão. Essas atividades podem levar a, respectivamente, cirrose, pulmão preto ou câncer por ingestão de uma substância química chamada benzopireno.

Mais alguns níveis de micromort:

• O mergulho autônomo adiciona cerca de 5 micromorts.

• O paraquedismo adiciona 7 micromorts.

• Usando heroína? 30 micromorts… cada vez que usar.

Traduzido e adaptado por Agora Sabe

Fonte: Portable Press

ANÚNCIO