Descubra a origem de 5 superstições de casamento que continuam até hoje (parte 2)

ANÚNCIO

Aaah, o casamento… uma das cerimônias mais tradicionais que conhecemos. Mas você talvez não saiba de onde vieram algumas dessas tradições, ou melhor, superstições. Fique por dentro de 5 delas a seguir.

1. Jogando arroz ou confete

Tradição em Casamento I Chuva de Arroz I Buffet Black Tie
Foto: (reprodução/internet)

Originalmente um ritual de fertilidade. Os convidados do casamento jogavam trigo apenas na noiva, na esperança de que ela tivesse filhos da mesma forma que o trigo produz o pão.

ANÚNCIO

2. Carregando a noiva

Conheça as origens bizarras por trás das tradições de casamento | We Fashion Trends
Foto: (reprodução/internet)

Os romanos pensavam que bons e maus espíritos pairavam ao redor da entrada de uma casa. Eles também acreditavam que, se você entrasse em casa com o pé esquerdo primeiro, os espíritos malignos venciam.

Portanto, para ter certeza de que a noiva – que romanos imaginavam estar “em um estado altamente emocional e muito propensa a ser descuidada” – não entraria acidentalmente em sua nova casa com o pé errado, o noivo apenas a pegou e carregou.

3. Bolo de casamento

O álbum dos bolos de casamento (1954-1987) – Lembraria
Foto: (reprodução/internet)

Os hóspedes originalmente deram “bolos de noiva” a uma mulher recém-casada para estimular a fertilidade.

ANÚNCIO

Caso você tenha perdido, leia também: Descubra a origem de 5 superstições de casamento que continuam até hoje (parte 1)

4. Discurso de recepção

CURIOSIDADES: COMO ERA O CASAMENTO NO IMPÉRIO ROMANO?
Foto: (reprodução/internet)

Na Roma pré-cristã, os recém-casados ​​contratavam um “curinga oficial” para contar histórias sujas aos convidados durante a recepção.

Os romanos acreditavam que pensamentos “impuros” nas mentes dos convidados desviaram a atenção dos deuses vingativos dos recém-casados, o que ajudou a protegê-los do mal.

5. Decorando o carro do casamento

Dicas de casamento - A tradição das latas no carro de casamento - Dicas Noivas
Foto: (reprodução/internet)

Na França medieval, quando um casal era impopular, as pessoas zombavam deles publicamente batendo em potes, chaleiras, etc. Era uma “serenata rude”.

Na América, isso deu lugar a um novo costume – tentar impedir um casal de consumar seu casamento fazendo barulho em sua janela.

Quando os recém-casados ​​começaram a deixar os casamentos de carro, a única maneira de incomodá-los era desfigurar o veículo.

Traduzido e adaptado por Agora Sabe

Fonte: Portable Press

ANÚNCIO