Descubra quais são os piores álbuns estrangeiros já feitos

ANÚNCIO

Com praticamente todas as músicas gravadas ao seu alcance quando você abre o Spotify ou o Apple Music, pode ser difícil decidir o que ouvir. Permita-nos ajudar: Evite esses álbuns a todo custo.

Kevin Federline, Playing with fire

Descubra quais são os piores álbuns estrangeiros já feitos
Foto: (reprodução/internet)

Playing with fire (2006) foi o primeiro (e até agora, único) álbum de Federline, um ex-dançarino de Britney Spears que se tornou uma celebridade ao se casar com a chefe e tentar uma carreira como rapper.

ANÚNCIO

A All Music chamou essa coleção de tentativas de música hip-hop de “obsoleta e inepta demais para inspirar risos: só pode provocar gemidos cansados”.

Elvis Presley, Having Fun with Elvis on Stage 

Descubra quais são os piores álbuns estrangeiros já feitos
Foto: (reprodução/internet)

O rei do rock era, certamente, um artista notável ao vivo, e suas revistas no estilo de Las Vegas emocionaram o público nos anos 60 e 70, depois que seus dias de grandes sucessos ficaram para trás. Muitos álbuns ao vivo capturam a magia desses shows, mas Having Fun with Elvis on Stage não é um deles.

Lançado para cumprir um contrato e orquestrado pelo empresário autoritário de Presley, Coronel Tom Parker, o álbum não contém música real, apenas as brincadeiras (muitas vezes sem sentido) de Elvis no palco, piadas entre canções e provocações aos membros de sua banda.

ANÚNCIO

O livro “The Worst Rock and Roll Records of All Time” (1991), considera este álbum o pior disco de rock and roll de todos os tempos.

Lou Reed, Metal Machine Music

Descubra quais são os piores álbuns estrangeiros já feitos
Foto: (reprodução/internet)

Tanto como vocalista do Velvet Underground quanto em seus trabalhos solo, Lou Reed provou ser um dos artistas mais progressistas e imaginativos da história do rock. Mas mesmo ele poderia ficar um pouco experimental demais. Em 1975, Reed lançou Metal Machine Music, um álbum que consistia inteiramente de ruído de doer os ouvidos.

Embora os rumores de que o álbum era uma piada ou uma despedida sônica para a gravadora de Reed persistissem por anos, Reed insistiu pelo resto de sua vida que Metal Machine Music representava uma declaração pessoal e artística.

Em sua crítica, o crítico James Wolcott da Rolling Stone considerou ouvir o disco “uma das melhores proezas de resistência da minha vida”, comparando-o a “passar uma noite em um terminal de ônibus em Hagerstown, Maryland”.

Vários artistas, Sgt Pepper’s Lonely Hearts Club Band (Original Soundtrack)

Descubra quais são os piores álbuns estrangeiros já feitos
Foto: (reprodução/internet)

Não, não o álbum dos Beatles! Sgt Pepper’s Lonely Hearts Club Band (Original Soundtrack) é a trilha sonora do fracassado filme que surgiu 11 anos após a obra-prima do Fab Four.

É de se esperar que um dos piores filmes do mundo tenha também a pior trilha sonora de todas. O filme Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band (1978) foi uma adaptação surreal e não completamente coerente do álbum conceitual de 1967 dos Beatles com o mesmo nome.

Claro, Peter Frampton e os Bee Gees eram importantes na época, mas isso não significava que as pessoas queriam vê-los no cinema e ouvir nomes como Steve Martin, George Burns, Alice Cooper e Paul Nicholas assassinarem suas músicas favoritas dos Beatles no álbum. John Lennon estava se revirando em seu túmulo – e ele nem estava morto ainda.

Traduzido e adaptado por Agora Sabe

Fonte: Portable Press, Classic Rock

ANÚNCIO